Nossa Senhora da Assunção e São José


JUBILEU DE OURO

Fazer memória de uma história é elevar o olhar para Deus cheio de gratidão por nos cumular com seu infinito Amor e Bondade. Em cada Eucaristia, celebramos este imenso mistério de Amor, que se consuma cada dia em nossas vidas. É assim que nossa Irmã Leopoldina louva a Deus juntamente com nossa comunidade por estes 50 anos de graças. Nossa Irmã Leopoldina é a quinta dos 14 filhos do casal Clemente Alves de Oliveira e Cizaltina Ladeia de Oliveira. Dos quais duas irmãs são Monjas Carmelitas nesse mosteiro, uma é religiosa da Congregação das Filhas da Caridade e um é sacerdote da Congregação de São José. Com forte tradição católica, seus pais eram muito sacrificados para cuidar de seus filhos. Irmã Leopoldina trabalhou desde pequena na roça com seus pais, na colheita de algodão, café e amendoim. Entre os 7 e 10 anos de idade sua família mudou-se para Inúbia Paulista, perto de Osvaldo Cruz, e foi nesta cidade, que teve a oportunidade de estudar o catecismo e fazer sua primeira comunhão. Este fato a marcou tão profundamente que o canto de comunhão deste dia ela decorou-o e jamais esqueceu, e é o mesmo canto que cantaremos na comunhão hoje. Aos 17 anos, quando sua família transferiu-se para São Pedro do Ivaí, sentiu o chamado para a vida religiosa. Ingressou nas Irmãs Passionistas, no dia 24 de janeiro de 1970, em Jandaia do Sul. Pouco depois foi transferida para o colégio Nossa Senhora Menina, aqui em Curitiba.  Estava muito feliz nas Irmãs Passionistas, mas Deus a chamava a ser Carmelita Descalça. Através de um curso na CRB, ela conheceu as Irmãs Felicianas, que lhe falaram do Carmelo. Irmã Leopoldina teve oportunidade de vir ao Carmelo com as Irmãs Passionistas no dia das exéquias de nossa Madre Fundadora Leopoldina de Santa Teresa, e como vocacionada recebeu o mesmo nome de nossa Fundadora. Entrou neste Carmelo no dia 10 de janeiro de 1972. No início de sua vida religiosa encontrou este Carmelo ainda em construção, assim pode participar ativamente das lutas da comunidade e se alegrar pela inauguração. Fez sua profissão solene no dia 16 de agosto de 1976, com toda a família presente, partilhando de sua grande felicidade. E hoje 50 anos após, podemos testemunhar o dom de sua vida de entrega e doação, como uma hóstia que se consome por amor a Jesus Sacramentado.

Ir.Leopoldina de Sta Teresa OCD

Carmelo Nossa Senhora da Assunção de São José

09-10-2022

Acesse o link  da Galeria de imagens para partilhar e rezar conosco as Glórias de Deus, pela vida, vocação e fidelidade de nossa Ir.Leopoldina.Segue o link:https://www.carmelocuritiba.com.br/index.php?pr=ftil&ga_codigo=10